Joel Silveira

Foto Grande: 

Sergipano de Aracaju, Joel Silveira nasceu em 23 de setembro de 1918. Veio para o Rio com 19 anos de idade e se destacou como jornalista e escritor com cerca de 40 livros publicados. Agraciado com o Prêmio Machado de Assis, o mais importante da Academia Brasileira de Letras, em 1998, pelo conjunto de sua obra, ganhou prêmios como Líbero Badaró, Prêmio Esso Especial, Prêmio Jabuti e Golfinho de Ouro.

Contratado pelos Diários Associados, Silveira cobriu os mais importantes episódios da história do Brasil no século XX. Conheceu, conviveu ou privou da intimidade de praticamente todos os presidentes do período democrático anterior ao golpe de 1964. Notabilizou-se pela cobertura de fatos marcantes da vida política do país e pela convivência com artistas e intelectuais de famosos.

Enfrentou Getúlio Vargas no Palácio do Catete, conviveu na Câmara com o então deputado Juscelino Kubitschek e foi companheiro de Jânio Quadros. Não bastasse, cobriu como correspondente a 2ª Guerra Mundial. A maioria de suas reportagens está registrada nos arquivos dos jornais e nos livros lançados ao longo da carreira. Morreu aos 88 anos no dia 15 de agosto de 2007 na cidade do Rio de Janeiro.